Cultura
0

Liu Xue e suas esculturas bizarras

O artista chinês Liu Xue mistura humanos e animais para criar sátiras com toques grotescos Quem nunca ao observar uma pessoa, não pensou em um animal? Embora essa colocação pareça ter um ar irônico desagradável. Você deve admitir que isso já aconteceu com você, parece inevitável. Se isso nunca aconteceu: depois de ver essas esculturas […]

Liu Xue e suas esculturas bizarras

O artista chinês Liu Xue mistura humanos e animais para criar sátiras com toques grotescos

Quem nunca ao observar uma pessoa, não pensou em um animal? Embora essa colocação pareça ter um ar irônico desagradável. Você deve admitir que isso já aconteceu com você, parece inevitável. Se isso nunca aconteceu: depois de ver essas esculturas você com certeza olhará para as pessoas de um modo diferente. Aprecie essa arte!

Esculturas minuciosas e cheias de bom humor compõem a série “We are the world” (Nós somos o mundo), do chinês. Nas obras, o artista combina seres humanos com animais, criando híbridos que trazem à tona o ridículo oculto na existência do homem moderno.

Liu Xue

Liu Xue

A combinação da personagem com sua metade animal por vezes aposta no óbvio, enaltecendo as semelhanças bizarras entre as pessoas e os animais; em outros momentos, o artista aposta na ironia para criar humor, atribuindo por exemplo asinhas minúsculas a um homem obeso.

Em alguns trabalhos, o artista busca criticar os padrões estéticos, colocando homens e mulheres que poderiam ser considerados atraentes em combinações ridículas.

Liu Xue

 

Liu Xue

 

 

Liu Xue

 

Liu Xue

 

 

Liu Xue

 

Liu Xue

 

Liu Xue

O sentimento de repulsa (e ao mesmo tempo, fascínio) que as esculturas causam são um mérito do artista, que conseguiu criar uma combinação “natural” dos corpos mesmo nos casos em que o animal não parece nem um pouco com um humano.

 

Elisa Vieira